Categorizado | Teoria Musical

Poliacordes – Identificando acordes em poliacordes

Você já ouviu falar de poliacordes ou polychords? Quantos acordes você consegue identificar em um poliacorde?

O que são poliacordes?

Poliacordes nada mais são do que extensos acordes, que consistem em dois ou mais acordes menores. Quando seus acordes ficarem cada vez maiores, você vai perceber que eles consistem de múltiplos acordes menores.

Esses acordes menores apresentam oportunidades para explorar outras aberturas (voicings).

Por exemplo, se você encontrar um acorde tríade de C menor e um Eb maior com sétima no mesmo acorde, isto te dará inúmeras maneiras de fazer soar esse acorde… incluindo versões com as duas mãos:

  • C menor (tônica) na mão esquerda /// Eb Maior com sétima (tônica) na mão direita
  • Eb Maior com sétima (terceira inversão) do lado esquerdo /// C menor (primeira inversão) no direito
  • C menor (primeira inversão) do lado esquerdo /// Eb Maior com sétima (segunda inversão) no direito
  • E assim por diante…

Estes são apenas três exemplos rápidos de dezenas de possibilidades.

O primeiro passo para explorar os poliacordes é identificar o máximo de acordes que você conseguir. Depois de identificar todos os acordes presentes, tente inverter (reorganizar) cada acorde, misturando e combinando uns com os outros. Se há 3 ou 4 acordes diferentes presentes, foque em dois por vez e perceba como eles soam juntos.

Trata-se de um jogo de tentativa e erro basicamente. Então vamos tentar …

Quantos acordes você consegue identificar neste acorde C13 (dominante) ?

poliacordes

Resposta:

  • C maior
  • E diminuto
  • G menor
  • Bb maior
  • D menor
  • F maior
  • A menor

Honestamente, deve haver muito mais acordes aí. Nós mostramos apenas os mais óbvios para você começar a entender o conceito.

É importante frisar que para o F maior e A maior, tente imaginar o acorde se repetindo em si. Então, em sua cabeça, você não está vendo apenas F+A e sim F+A+C como se o acorde começasse novamente no C. O mesmo se aplica ao acorde A menor. Você não está vendo apenas a nota “A” sozinha (porque ela é, de fato, a nota mias alta). Você está vendo A+C+E (porque C+E estão no início do acorde).

Agora que você têm uma lista de acordes, isso deverá ocupá-lo por bastante tempo, tentando misturar e combinar os acordes que quiser. Nem todos irão funcionar, pois alguns acordes são dependentes de outros. O segredo nessa etapa é ir na base da tentativa e erro, você vai conseguir bons resultados experimentando!

Depois de percorrer uma infinidade de acordes, você irá ficar impressionado em como essa idéia de poliacordes pode te levar longe! Até a próxima!

Gostou? Compartilhe!

Você pode gostar também:

Deixar Comentário

Opine Já!

O que você quer ver no Portal Música?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Estamos no Facebook