Como praticar seu instrumento musical

praticar-guitarraSe você já toca algum instrumento musical bem o suficiente para arrancar aplausos de amigos e familiares, sabe que o caminho para chegar até aí não foi rápido – tampouco fácil, por assim dizer. Porém, para quem está iniciando sua jornada para tocar bem algum instrumento musical, é importante acima de tudo ter disciplina, para aprender teoria musical (nem que seja o básico) e que pratique bastante.

Uma das maiores dificuldades dos iniciantes na minha opinião é não ter um direcionamento correto sobre o que treinar ou o que fazer para aprender música. Por esse motivo, elaboramos esse pequeno guia sobre como praticar seu instrumento musical, trazendo uma luz no fim do túnel para aqueles que estão perdidos.

Este guia se aplica ao aprendizado de todos os instrumentos musicais, porém escolhemos a guitarra para citar exemplos úteis.

Como praticar seu instrumento musical

Dica 1: Pratique com frequência

Praticar com frequência (várias vezes por dia por apenas alguns minutos de cada vez) irá produzir melhores resultados do que praticar por muito tempo em poucos dias.

Dica 2: Mantenha-se focado

Não é uma questão de quanto tempo você investiu; é o quanto você investiu durante esse tempo. A prática focada irá te ajudar a realizar coisas eficientemente – por outro lado, ficar batendo os dedos enquanto sua mente se perde em outros pensamentos realmente não é praticar!

Dica 3: Programe-se

Se você praticar o mais cedo possível – até mesmo logo após levantar-se de manhã – é provável que não perca seus treinos. E se você achar que pode, adicione uns treinos extras mais tarde no mesmo dia.

Dica 4: Não esqueça do fundamental

A capacidade de tocar um instrumento se constrói aos poucos, em cada nova habilidade que você aprende e domina. Certifique-se de aprender o fundamental corretamente, antes de procurar coisas mais avançadas para aprender.

Dica 5: Revise

A revisão deve ser parte da sua rotina de treino. Quando você aprendeu a ler, provavelmente havia um livro favorito que você leu dezenas de vezes – aprender a ler música leva o mesmo tempo e dedicação.

Dica 6: Treine no momento certo

Tente praticar por alguns minutos logo após uma nova lição – isso vai ajudá-lo a lembrar de pequenos detalhes.

Dica 7: Repetição é a chave

A memória muscular é desenvolvida através da repetição. Um amador treina até conseguir fazer certo; um profissional treina até nunca mais errar!

Dica 8: Solte essa voz

Tente cantar o que você está tocando. Isso irá ajudá-lo a desenvolver seu ouvido e melhorar os resultados que obtém com a prática.

Dica 9: Faça anotações

A primeira vez que tocar uma música, mantenha um lápis à mão. Marque os pontos que você tem dificuldades – esses são os que você deve investir mais tempo praticando.

Dica 10: Simplifique

Quebre trechos complexos em pequenas partes. Pratique cada um deles até conseguir tocar tudo junto.

Dica 11: Saiba a diferença

Há uma diferença entre praticar e ensaiar, e entre praticar e tocar. Saiba qual o seu propósito antes de tudo.

Dica 12: Seja produtivo

Existe um melhor momento do dia para praticar, porém, isso depende de você. Preste atenção nos resultados que você obtém em diferentes momentos do dia, e tente praticar durante as horas em que você geralmente é mais produtivo.

Dica 13: Nada de afobação

Pratique devagar o suficiente para que você não cometa nenhum erro. A prática não faz ficar perfeito – a prática torna permanente – então não perca seu tempo praticando erros!

O que achou das nossas dicas sobre como praticar seu instrumento musical?

Comentários

  1. Guilherme da favela diz

    Muito bom, motivador para quem esta começando e para aqueles que já tem certa pratica no instrumento, e estudam a muito tempo. Outrora contudo porém isto posto que a perspectiva contemporânea eloquente e por outro lado iconoclasta vigente preza pela subjetividade heurística que permeia o cosmos da oligarquia social do sistema capitalista onde indivíduos energúmenos julgam serem seres pensantes abusando de falas contraditórias e sofistas.

  2. diz

    Muito bom.

    É muito importante saber praticar, e não apenas “tocar”, pois quando você toca você apenas faz o que você já sabe fazer. Porém, quando você pratica, você está aprendendo novas técnicas, novas habilidades e se aperfeiçoando como um músico, o que o levará a tocar ainda melhor.

    E seu artigo, apesar de resumido, apresentou dicas interessantes sobre como atingir esse aperfeiçoamento. Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


− 1 = seis